Termos e condições gerais

produtos on-line para consumidores individuais

 

Preâmbulo

Estas condições gerais de venda aplicam-se a todas as vendas realizadas no site da Cadamoste Editions.

 

O site é um serviço de:

 

  • A empresa individual Cadamoste Editions
  • localizado 5 Victor Hugo 18000 Bourges França
  • URL do site: https://www.cadamoste-editions.com/
  • e-mail: contact@cadamoste-editions.com
  • número de telefone: 02 48 24 07 25

 

O site da Cadamoste Editions vende os seguintes produtos Livros.

O cliente declara que leu e aceitou as condições gerais de venda antes de fazer seu pedido. A validação do pedido implica, portanto, a aceitação das condições gerais de venda.

 

Artigo I – Princípios

 

Estas condições gerais expressam todas as obrigações das partes. Nesse sentido, considera-se que o comprador os aceita sem reservas.

Estas condições gerais de venda aplicam-se à exclusão de todas as outras condições, em particular as aplicáveis ​​às vendas

nas lojas ou através de outros canais de distribuição e marketing.

Eles estão acessíveis no site da Cadamoste Editions e prevalecerão: quando aplicável, sobre qualquer outra versão ou documento.

contraditórias.

O vendedor e o comprador concordam que essas condições gerais regem exclusivamente seu relacionamento. O vendedor reserva-se o direito de

ocasionalmente modifique suas condições gerais. Eles serão aplicáveis ​​assim que forem colocados online.

Se uma condição de venda falhar, ela será considerada regida pelas alfândegas em vigor no setor de venda à distância,

as empresas têm sede na França.

Estas condições gerais de venda são válidas até 25 de maio de 2021

 

Artigo 2 – Conteúdo

 

O objetivo dessas condições gerais é definir os direitos e obrigações das partes relacionadas à venda on-line de mercadorias oferecidas pelo vendedor, o comprador, no site da Cadamoste Editions

Essas condições referem-se apenas às compras feitas no site da Cadamoste Editions e entregues exclusivamente na França continental ou na Córsega. Para qualquer entrega no DOM-TOM ou no exterior, uma mensagem deve ser enviada para o seguinte endereço de email:

contact@cadamoste-editions.com

Essas compras estão relacionadas aos seguintes produtos: Livros.

 

Artigo 3 – Informações pré-contratuais

 

O comprador reconhece ter tido comunicação, antes de fazer seu pedido e a celebração do contrato, de maneira legível e compreensível, destas condições gerais de venda e de todas as informações listadas no artigo L. 221-5 do código do consumidor.

 

As informações a seguir são transmitidas de maneira clara e compreensível:

– as características essenciais da propriedade;

– o preço do bem e / ou o método de cálculo do preço;

– se aplicável, todos os custos adicionais do transporte de entrega e todos os outros possíveis custos a pagar;

– na ausência de execução imediata do contrato, a data ou o prazo em que o vendedor se compromete a entregar a mercadoria, qualquer que seja seu preço;

– informações relacionadas à identidade do vendedor, seus dados postais, telefônicos e eletrônicos: e suas atividades, garantias legais, a funcionalidade do conteúdo digital e, se for o caso, sua interoperabilidade: existência e termos implementação de garantias e outras condições contratuais.

 

Artigo 4 – A ordem

 

O comprador tem a possibilidade de fazer seu pedido on-line, do catálogo on-line e usar o formulário que aparece para todos

enquanto durarem os estoques.

O comprador será informado de qualquer indisponibilidade do produto ou do bem solicitado.

Para que o pedido seja validado, o comprador deve aceitar, clicando no local indicado, estas condições gerais. Ele também deve escolher o endereço e o método de entrega e, finalmente, validar o método de pagamento.

A venda será considerada final:

– após enviar ao comprador a confirmação de aceitação do pedido pelo vendedor por email;

– e após a receção pelo vendedor do preço total.

Qualquer pedido implica a aceitação dos preços e a descrição dos produtos disponíveis para venda. Qualquer disputa sobre este ponto ocorrerá no contexto de uma possível troca e das garantias mencionadas abaixo.

Em certos casos, principalmente por falta de pagamento: endereço errado ou outro problema na conta do comprador, o vendedor se reserva o direito de bloquear o pedido do comprador até que o problema seja resolvido.

Para qualquer pergunta relacionada ao acompanhamento de um pedido, o comprador pode ligar para o seguinte número de telefone: 02 4824 07 25 (custo de uma ligação local), nos seguintes dias e horários: segunda a sábado, das 8h às 20h ou envie um email para o vendedor no seguinte endereço de email

contact@cadamoste-editions.com

 

Artigo 5 – Assinatura eletrônica

 

O fornecimento on-line do número do cartão bancário do comprador e a validação final do pedido constituirão uma prova do contrato do comprador:

exigibilidade dos valores devidos sob o pedido de compra;

– assinatura e aceitação expressa de todas as operações realizadas.

No caso de uso fraudulento do cartão bancário, o comprador é convidado: assim que esse uso for observado, entre em contato com o vendedor pelo número de

próximo telefone: 02 48 24 07 25

 

Artigo 6 – Confirmação do pedido

O vendedor fornece ao comprador uma confirmação do pedido por e-mail.

 

Artigo 7 – Prova da transação

 

Registros computadorizados, mantidos nos sistemas de computadores do vendedor em condições razoáveis ​​de segurança: serão considerados

como prova de comunicações, pedidos e pagamentos entre as partes. Arquivamento de pedidos e

as faturas são feitas em um meio confiável e durável, que pode ser produzido como prova.

 

Artigo 8 – Informações sobre o produto

 

Os produtos regidos por essas condições gerais são aqueles que aparecem no site do vendedor e são indicados como vendidos.

e enviado pelo vendedor. Eles são oferecidos enquanto durarem os estoques.

Os produtos são descritos e apresentados com a maior precisão possível. No entanto, se ocorrerem erros ou omissões nesta apresentação, a responsabilidade do vendedor não poderá ser contratada.

As fotografias dos produtos não são contratuais.

 

Artigo 9 – Preço

 

O vendedor se reserva o direito de modificar seus preços a qualquer momento, mas compromete-se a aplicar os preços atuais indicados no momento do pedido, sujeito à disponibilidade nesta data.

Os preços são indicados em euros. Eles não levam em consideração os custos de entrega, faturados além disso e indicados antes da validação do pedido. Os preços levam em consideração o IVA aplicável no dia do pedido e qualquer alteração na taxa de IVA aplicável será refletida automaticamente no preço dos produtos na loja online.

Se um ou mais impostos ou contribuições, em particular ambientais, forem criados ou modificados, para cima ou para baixo,

mudança pode ser refletida no preço de venda dos produtos.

 

Artigo 10 – Forma de pagamento

 

Esta é uma ordem com obrigação de pagamento, o que significa que fazer o pedido envolve pagamento pelo comprador.

Para liquidar seu pedido, o comprador tem a sua escolha, todos os métodos de pagamento disponibilizados pelo vendedor e listados no site do vendedor. O comprador garante ao vendedor que ele possui as autorizações necessárias para usar o método de pagamento escolhido por ele: durante a validação do formulário de pedido. O vendedor se reserva o direito de suspender qualquer gerenciamento de pedidos e qualquer entrega em caso de recusa de autorização para pagamento por cartão bancário de organismos oficialmente credenciados ou em caso de não pagamento. O vendedor reserva-se, notavelmente, o direito de se recusar a fazer uma entrega ou honrar um pedido de um comprador que não tenha liquidado total ou parcialmente um pedido anterior ou com quem uma disputa de pagamento está sendo administrada .

 

O pagamento do preço é feito integralmente no dia do pedido, das seguintes maneiras:

– cartão bancário

– Paypal

– verificar

 

Artigo 11 – Disponibilidade de produtos – Reembolso – Resolução

 

Exceto em casos de força maior ou durante os períodos de fechamento da loja on-line que serão claramente anunciados na página inicial do site, os prazos de entrega serão, dentro do limite dos estoques disponíveis, os indicados abaixo. O prazo de entrega é contado a partir da data de registro do pedido indicado no e-mail de confirmação do pedido.

Para entregas na França continental e na Córsega, o prazo é de quatro dias a contar do dia seguinte ao qual o comprador fez seu pedido, das seguintes maneiras: por La Poste, o mais tardar, o prazo será de 30 dias úteis após a celebração do contrato.

Para entregas no DOM-TOM ou em outro país: os métodos de entrega serão especificados pelo comprador caso a caso.

No caso de não conformidade com a data ou prazo de entrega acordado, o comprador antes de quebrar o contrato, ordena ao vendedor que o execute dentro de um prazo adicional razoável.

Na ausência de execução, no vencimento deste novo período, o comprador pode violar livremente o contrato.

O comprador deve concluir essas formalidades sucessivas por carta registrada com aviso de recebimento ou por escrito em outro meio.

sustentável.

O contrato será considerado cancelado após o recebimento da carta pelo vendedor ou por escrito, informando-o dessa rescisão, a menos que o profissional tenha se apresentado nesse meio tempo.

O comprador pode, no entanto, rescindir imediatamente o contrato: se as datas ou prazos acima constituírem para ele uma condição essencial do contrato.

Nesse caso: quando o contrato é cancelado: o vendedor é obrigado a reembolsar o comprador por todas as quantias pagas, o mais tardar no prazo de 14 dias a contar da data em que o contrato foi rescindido.

Em caso de indisponibilidade do produto solicitado, o comprador será informado o mais rapidamente possível e poderá cancelar seu pedido. O comprador poderá optar por solicitar o reembolso das quantias pagas no prazo de 14 dias após o pagamento: a troca do produto

 

Artigo 12 – Condições de entrega

 

Entrega significa a transferência ao consumidor da posse ou controle físico das mercadorias. Os produtos encomendados são entregues de acordo com os termos e prazos especificados acima.

Os produtos são entregues no endereço indicado pelo comprador no formulário de pedido, o comprador deve garantir sua precisão. Qualquer pacote devolvido ao vendedor devido a um endereço de entrega incorreto ou incompleto será redirecionado às custas do comprador. O comprador pode, mediante solicitação, obter o envio de uma fatura para o endereço de cobrança e não para o endereço de entrega, validando a opção fornecida para esse fim no formulário de pedido.

Se o comprador estiver ausente no dia da entrega, o entregador deixará um aviso na caixa postal: o que permitirá que a encomenda seja coletada no local e horário indicados.

Se, no momento da entrega, a embalagem original estiver danificada: rasgada: abra o comprador e verifique as condições dos itens. Se eles foram danificados, o comprador deve recusar o pacote e anotar uma reserva na guia de entrega (pacote recusado porque aberto ou danificado)

O comprador deve indicar na guia de remessa e na forma de reservas manuscritas acompanhadas de sua assinatura qualquer anomalia referente à remessa (dano, produto faltante em comparação com a guia de remessa, embalagem danificada, produtos quebrados.

Considera-se que esta verificação foi realizada depois que o comprador, ou uma pessoa autorizada por ele, assinar a guia de entrega.

O comprador deve confirmar, por correio registrado, essas reservas à transportadora, o mais tardar dois dias úteis após o recebimento do (s) item (s) e transmitir uma cópia desse e-mail por fax ou correio simples ao vendedor, o endereço indicado nos avisos legais. do site.

Se os produtos precisarem ser devolvidos ao vendedor, eles deverão ser sujeitos a uma solicitação de devolução ao vendedor dentro de 14 dias após a entrega. Qualquer reclamação feita após esse período não pode ser aceita. A devolução do produto só pode ser aceita para produtos em sua condição original (embalagem, acessórios: instruções, etc.).

 

Artigo 13 – Erros de entrega

 

O comprador deve formular com o vendedor no mesmo dia da entrega ou, o mais tardar no primeiro dia útil após a entrega, qualquer reclamação de erro na entrega e / ou não conformidade dos produtos em espécie ou em qualidade em relação a Informações no formulário de pedido. Qualquer reclamação feita após esse período será rejeitada.

A reclamação pode ser feita, a escolha do comprador

– por telefone, no seguinte número: 02 48 24 07 25

– por e-mail o seguinte endereço: contact@cadamoste-editions.com

Qualquer reclamação não feita nas regras definidas acima e dentro dos prazos não pôde ser levada em consideração e liberará o vendedor de qualquer responsabilidade em relação ao comprador.

Após o recebimento da reclamação, o vendedor atribuirá um número de troca do (s) produto (s) em questão e o comunicará por e-mail ao comprador. A troca de um produto só pode ocorrer após a alocação do número da troca.

Em caso de erro de entrega ou troca: qualquer produto a ser trocado ou reembolsado deve ser devolvido ao vendedor como um todo e em sua embalagem original, no Colissimo Recommended, para o seguinte endereço: 5 Victor Hugo, 18000 Bourges

Os custos de devolução são de responsabilidade do vendedor.

 

Artigo 14 – Garantia do produto

 

14-1 Garantia legal de conformidade

O vendedor é responsável pela conformidade das mercadorias vendidas com o contrato, permitindo que o comprador faça uma solicitação sob a garantia legal de conformidade prevista nos artigos L. 217-4 e seguintes do código do consumidor.

No caso de implementação da garantia legal de conformidade, recorde-se que:

– o comprador tem um prazo de 2 anos a partir da entrega da mercadoria para agir;

– o comprador pode escolher entre reparar ou substituir as mercadorias, sujeito às condições de custo previstas no artigo L. 217-17 de

código do consumidor;

– o comprador não forneceu provas de não conformidade das mercadorias durante os 24 meses no caso de mercadorias novas (6 meses no caso de mercadorias em segunda mão): após a entrega das mercadorias.

 

14-2 Garantia legal para defeitos ocultos

 

De acordo com os artigos 1641 e seguintes do código civil, o vendedor garante os defeitos ocultos que podem afetar o imóvel vendido. Caberá ao comprador provar que os defeitos existiam na venda dos produtos e torná-los impróprios para o uso a que se destinam. Esta garantia deve ser implementada dentro de dois anos após a descoberta do defeito.

O comprador pode escolher entre cancelar a venda ou reduzir o preço, de acordo com o artigo 1644 do Código Civil.

 

Artigo 15 – Direito de retirada

 

Aplicação do direito de retirada

De acordo com as disposições do código do consumidor, o comprador tem um prazo de 14 dias a partir da data de entrega de seu

ordem, para devolver qualquer item que não lhe convém e solicitar a troca ou reembolso sem penalidade: com exceção dos custos de devolução que permanecem de responsabilidade do comprador.

As devoluções devem ser feitas em suas condições originais e completas (embalagem, acessórios, instruções. Permitindo que elas sejam comercializadas em novas condições, acompanhadas da fatura de compra

Produtos danificados: sujos ou incompletos não são devolvidos.

O direito de retirada pode ser exercido on-line usando o formulário de retirada disponível neste site. Nesse caso: um aviso de recebimento em um suporte durável será imediatamente comunicado ao comprador. Qualquer outro modo de declaração de retirada é aceito. Deve ser inequívoco e expressar a vontade de retratar.

Em caso de exercício do direito de retirada dentro do período mencionado, o preço do (s) produto (s) adquirido (s) será reembolsado e os custos de entrega serão reembolsados.

Os custos de devolução são de responsabilidade do comprador.

A troca (sujeita a disponibilidade) ou reembolso será feita dentro de 48 horas e, o mais tardar, dentro de 14 dias após o recebimento pelo vendedor: dos produtos devolvidos pelo comprador dentro de as condições estabelecidas acima.

 

exceções

De acordo com o artigo L221-28 do Código do Consumidor, o direito de retirada não pode ser exercido para contratos:

– fornecimento de mercadorias cujo preço depende de flutuações no mercado financeiro fora do controle do profissional e que possam ocorrer durante o período de retirada;

– fornecimento de mercadorias feitas de acordo com as especificações do consumidor ou claramente personalizadas;

– o fornecimento de bens que possam deteriorar-se ou expirar rapidamente;

– fornecimento de mercadorias que não foram lacradas pelo consumidor após a entrega e que não podem ser devolvidas por razões de higiene ou proteção à saúde;

– o fornecimento de questionários após a entrega e, por natureza, são misturados inseparavelmente com outros artigos;

– fornecimento de bebidas alcoólicas cuja entrega é adiada por mais de trinta dias e cujo valor acordado, a celebração do contrato, dependem de flutuações no mercado, fora do controle do profissional

– trabalhos de manutenção ou reparo realizados urgentemente em casa do consumidor e expressamente solicitados por ele, dentro do limite de peças de reposição e trabalhos estritamente necessários para responder à emergência;

– fornecimento de gravações de áudio ou vídeo ou software de computador quando elas não foram lacradas pelo consumidor após a entrega;

– fornecimento de jornal: periódico ou revista, exceto contratos de assinatura para essas publicações;

– o fornecimento de conteúdo digital não fornecido em suporte material, cuja execução teve início após acordo prévio expresso do consumidor e renúncia expressa ao seu direito de rescisão.

 

Artigo 16 – Força maior

 

Todas as circunstâncias independentes da vontade das partes que impedem a execução em condições normais de suas obrigações são consideradas causas de isenção das obrigações das partes e resultam em sua suspensão.

A parte que invocou as circunstâncias mencionadas acima deve notificar imediatamente a outra parte de sua ocorrência e de seu desaparecimento.

Serão considerados de força maior todos os fatos ou circunstâncias irresistíveis, externos às partes, imprevisíveis, inevitáveis, independentes da vontade das partes e que não possam ser evitados por estas, apesar de todos os esforços razoavelmente possíveis. De maneira expressa, são considerados de força maior ou evento fortuito *, além daqueles geralmente retidos pela jurisprudência dos tribunais e tribunais franceses: o bloqueio de meios de transporte ou suprimentos, terremotos, incêndios, tempestades, inundações, relâmpagos, interrupção de redes de telecomunicações ou dificuldades específicas de redes de telecomunicações externas aos clientes.

As cestas se reunirão para examinar o impacto do evento e concordar com as condições sob as quais a execução do contrato será continuada. Se o caso de força maior durar mais de três meses: essas condições gerais podem ser rescindidas pela parte lesada.

 

Artigo 17 – Propriedade intelectual

 

O conteúdo do site continua sendo propriedade do vendedor, o único detentor dos direitos de propriedade intelectual sobre esse conteúdo.

Os compradores concordam em não fazer uso deste conteúdo; qualquer reprodução total ou parcial deste conteúdo é estritamente proibida e pode constituir uma ofensa à falsificação.

 

Artigo I8 – Tecnologia da informação e liberdades

 

Os dados pessoais fornecidos pelo comprador são necessários para o processamento de seu pedido e a preparação de faturas.

Eles podem ser comunicados aos parceiros do vendedor responsáveis ​​pela execução, processamento, gerenciamento e pagamento de pedidos.

O processamento das informações comunicadas no site da Cadamoste Editions foi declarado à CNIL.

O comprador tem o direito de acesso permanente, modificação, retificação e oposição às informações a seu respeito, que podem ser exercidas nas condições e de acordo com os métodos definidos no site da Cadamoste Editions.

 

Artigo 19 – Não validação parcial

 

Se uma ou mais estipulações dessas condições gerais forem consideradas inválidas ou declaradas como tal, de acordo com a lei de um regulamento ou após uma decisão final de um tribunal competente, as outras estipulações manterão toda a sua força e seu escopo.

 

Artigo 20 – Não renúncia

 

O fato de uma das partes não reivindicar uma violação pela outra parte de nenhuma das obrigações mencionadas nestas condições gerais não pode ser interpretado para o futuro como uma renúncia à obrigação em questão.

 

Artigo 21 – título

 

Em caso de dificuldade de interpretação entre qualquer um dos títulos que aparece no topo das cláusulas: e qualquer uma das cláusulas, os títulos serão declarados inexistentes

 

Artigo 22 – Língua do contrato

 

Estas condições gerais de venda estão escritas em francês. No caso de serem traduzidos para um ou mais idiomas estrangeiros, somente o texto em francês prevalecerá no caso de uma disputa.

 

Artigo 23 – Mediação e solução de controvérsias

 

O comprador pode usar a mediação convencional, em particular com a Comissão de Mediação do Consumidor ou com os órgãos setoriais de mediação existentes, ou com qualquer método alternativo de solução de controvérsias (conciliação, por exemplo) no caso de

contestação. Os nomes do mediador, detalhes de contato e endereço de e-mail estão disponíveis em nosso site.

De acordo com o artigo 14 do Regulamento (UE) nC524y2013: a Comissão Europeia criou uma plataforma de resolução de disputas on-line: facilitando a solução extrajudicial independente de disputas on-line entre consumidores e profissionais na União Europeia. Esta plataforma está acessível no seguinte link – https://webgate.ec.europa.eu/odr/

 

Artigo 24 – Lei aplicável

 

Estas condições gerais estão sujeitas à aplicação da lei francesa. O tribunal competente é o tribunal judicial.

É o caso das regras substantivas e das regras de forma. No caso de uma disputa ou reclamação, o comprador entrará em contato primeiro com o

vendedor para obter uma solução amigável.

 

Artigo 25 – Proteção de dados pessoais

 

Dados coletados

Os dados pessoais coletados neste site são os seguintes:

– abertura da conta: ao criar a conta do usuário, seu nome; primeiro nome; endereço de email; número de telefone; endereço postal

– conexão: quando o usuário se conecta ao site, este último registra, em particular, seu sobrenome, nome, conexão, uso, dados de localização e dados relativos ao pagamento;

– perfil: o uso dos serviços prestados no site permite inserir um perfil, que pode incluir um endereço e um

telefone;

– pagamento: como parte do pagamento por produtos e serviços oferecidos no site, ele registra dados financeiros relacionados à conta bancária ou cartão de crédito do usuário;

– comunicação: quando o site é usado para se comunicar com outros membros, os dados relacionados às comunicações do usuário são armazenados temporariamente;

– cookies: os cookies são usados ​​em conexão com o uso do site. O usuário tem a opção de desativar os cookies nas configurações do navegador.

 

Uso de dados pessoais

Os dados pessoais coletados dos usuários visam fornecer os serviços do site, sua melhoria e a

mantendo um ambiente seguro. Mais especificamente, os usos são os seguintes

acesso do usuário e uso do site;

gerenciamento da operação e otimização do site;

organização das condições de uso dos Serviços de Pagamento;

verificação, identificação e autenticação dos dados transmitidos pelo usuário;

oferecer ao usuário a possibilidade de se comunicar com outros usuários do site;

implementação de assistência ao usuário;

personalização de serviços exibindo anúncios com base no histórico de navegação do usuário, de acordo com suas preferências;

prevenção e detecção de fraudes, malware (software malicioso) e gerenciamento de incidentes de segurança;

gerenciamento de quaisquer disputas com usuários;

envio de informações comerciais e publicitárias, de acordo com as preferências do usuário.

 

Compartilhamento de dados pessoais com terceiros

Os dados pessoais podem ser compartilhados com empresas de terceiros nos seguintes casos:

quando o usuário utiliza os serviços de pagamento, para a implementação desses serviços, o site entra em contato com empresas bancárias e financeiras de terceiros com as quais contratou;

quando o usuário publica informações acessíveis ao público nas áreas de comentários gratuitos do site;

quando o usuário autoriza o site de terceiros a acessar seus dados;

quando o site usa os serviços de provedores para fornecer assistência ao usuário, publicidade e serviços de pagamento. Esses provedores têm acesso limitado aos dados do usuário, como parte do desempenho desses serviços, e têm uma obrigação contratual de usá-los de acordo com as disposições dos regulamentos aplicáveis ​​sobre proteção de dados pessoal

se exigido por lei, o site pode transmitir dados para responder a reclamações feitas contra o site e cumprir procedimentos administrativos e judiciais

se o site estiver envolvido em uma fusão, aquisição, alienação de ativos ou processos de falência, pode ser necessário atribuir ou compartilhar todo ou parte de seus ativos, incluindo dados pessoais. Nesse caso, os usuários seriam informados antes de os dados pessoais serem transferidos para terceiros.

 

Segurança e confidencialidade

O site implementa medidas organizacionais, técnicas, de software e físicas em termos de segurança digital para proteger os dados pessoais contra alterações, destruição e acesso não autorizado. No entanto, deve-se notar que a Internet não é um ambiente completamente seguro e o site não pode garantir a segurança da transmissão ou armazenamento de informações na Internet.

 

Implementação de direitos de usuário

Na aplicação dos regulamentos aplicáveis ​​aos dados pessoais, os usuários têm os seguintes direitos, que podem exercer solicitando o seguinte endereço: contact@cadamoste-editions.com

 

o direito de acesso: eles podem exercer seu direito de acesso, para conhecer os dados pessoais a seu respeito. Nesse caso, antes da implementação desse direito, o site pode solicitar uma prova da identidade do usuário para verificar sua precisão.

  • direito de retificação: se os dados pessoais mantidos pelo site são imprecisos, eles podem solicitar a atualização

informação

  • o direito de excluir dados: os usuários podem solicitar a exclusão de seus dados pessoais,

de acordo com as leis de proteção de dados aplicáveis.

  • o direito de limitar o processamento dos usuários pode solicitar ao site que limite o processamento de dados pessoais

de acordo com as premissas previstas pelo RGPD.

  • o direito de se opor ao processamento de dados: os usuários podem se opor a que seus dados sejam processados ​​de acordo com

Pressupostos do GDPR

  • lei de portabilidade: eles podem solicitar que o site lhes forneça os dados pessoais fornecidos a eles para transmiti-los

para um novo site.

Evolução desta cláusula

O site reserva-se o direito de fazer qualquer modificação nesta cláusula relacionada à proteção de dados pessoais a qualquer momento. Se uma modificação for feita nesta cláusula de proteção de dados pessoais, o site compromete-se a publicar a nova versão em seu site. O site também informará os usuários da alteração por e-mail, dentro de um período

mínimo de 15 dias antes da data efetiva. Se o usuário não concordar com os termos da nova redação da cláusula de proteção de dados pessoais, ele poderá excluir sua conta.

 

Anexo:

 

Formulário de retirada

(a preencher pelo consumidor,

e enviar por carta registrada com aviso de recebimento,

no prazo máximo de 14 dias após a data de celebração do contrato de serviço)

 

Formulário de retirada

 

Atenção:

Edições Cadamoste

localizado em: 5 Victor Hugo 18000 Bourges

número de telefone: 02 48 24 07 25

endereço de e-mail: contact@cadamoste-editions.com

 

Eu o notifico da minha retirada do contrato com o pedido:

 

Nome e sobrenome do consumidor: ……………… ..

Endereço do consumidor: …………………………

 

Data: ………… ..

 

Assinatura do consumidor

 

Anexo:

 

Código do Consumidor

 

Artigo L. 217-4: “O vendedor entrega mercadorias que cumprem o contrato e é responsável por qualquer falta de conformidade existente no momento da entrega.

Ele também é responsável por qualquer falta de conformidade resultante da embalagem, das instruções de montagem ou da instalação, quando esta lhe foi cobrada pelo contrato ou realizada sob sua responsabilidade. “

 

Artigo L. 217-5: “As mercadorias cumprem o contrato

1 ° Se for adequado para o uso geralmente esperado de um bem semelhante e, se aplicável:

– se corresponder à descrição dada pelo vendedor e possuir as qualidades que este apresentou ao comprador sob a forma de amostra ou modelo;

– se possuir as qualidades que um comprador pode legitimamente esperar, tendo em vista as declarações públicas feitas pelo vendedor, pelo produtor ou por seu representante, especialmente em publicidade ou rotulagem;

2 ° Ou se tiver as características definidas de comum acordo pelas partes ou for adequado para qualquer uso especial procurado pelo comprador, levado ao conhecimento do vendedor e que este tenha aceito. “

 

Artigo L. 217-6: “O vendedor não está sujeito às declarações públicas do produtor ou de seu representante se for estabelecido que ele não os conhecia e estava legitimamente incapaz de conhecê-los”

 

Artigo L. 217-7: “Presume-se que existam defeitos de conformidade que surgem no prazo de vinte e quatro meses após a entrega das mercadorias no momento da entrega, a menos que seja provado o contrário. Para mercadorias vendidas em segunda mão, este prazo é fixado em seis meses, o vendedor pode combater essa presunção se não for compatível com a natureza do bem ou com a alegada falta de conformidade. “

 

Artigo L. 217-8: “O comprador tem o direito de exigir que as mercadorias estejam em conformidade com o contrato. No entanto, ele não pode contestar a conformidade invocando um defeito que ele sabia ou não podia ignorar ao contratar. o mesmo se aplica quando o defeito tem origem nos materiais que ele próprio forneceu. “

 

Artigo L. 217-9: “Em caso de falta de conformidade, o comprador escolhe entre reparar e substituir as mercadorias. No entanto, o vendedor não pode proceder de acordo com a escolha do comprador se essa escolha envolver obviamente um custo. desproporcional em relação à outra modalidade, levando em consideração o valor do bem ou a importância do defeito. Em seguida, é obrigado a proceder, exceto na impossibilidade, de acordo com a modalidade não escolhida pelo comprador. “

 

Artigo L 217-10: “Se o reparo e a substituição das mercadorias forem impossíveis, o comprador poderá devolver as mercadorias e devolver o preço ou manter a mercadoria e ter parte do preço devolvida. A mesma opção está aberta para eles. :

1 Se a solução solicitada, proposta ou acordada na aplicação do artigo L. 217-9 não puder ser implementada dentro de um mês após a reclamação do comprador;

2- Ou se esta solução não puder ser isenta de grandes inconvenientes para esta, dada a natureza dos bens e o uso que eles procuram. O cancelamento da venda não pode, no entanto, ser declarado se a falta de conformidade for menor. “

 

Artigo L 217-11: A aplicação do disposto nos artigos L. 217-9 e L. 217-10 ocorre sem nenhum custo para o comprador. Essas mesmas disposições não impedem a alocação de danos.

 

Artigo L 217-12: “A ação resultante da falta de conformidade termina dois anos após a entrega das mercadorias.”

 

Artigo L 217-13: “as disposições desta seção não privam o comprador do direito de exercer a ação resultante de defeitos latentes, como resulta dos artigos 1641 1649 do código civil ou qualquer outra ação de natureza contratual ou extracontratual reconhecido por lei “.

 

Artigo L 217-14: “O vendedor final poderá exercer uma ação recursiva contra vendedores ou intermediários sucessivos e o produtor de bens pessoais tangíveis, de acordo com os princípios do Código Civil.

 

Artigo L 217-15: “A garantia comercial significa qualquer compromisso contratual de um profissional com relação ao consumidor para o reembolso do preço de compra, substituição ou reparo dos bens ou fornecimento de qualquer outro serviço relacionado à propriedade, além de suas obrigações legais para garantir a conformidade da propriedade.

A garantia comercial está sujeita a um contrato escrito: uma cópia é fornecida ao comprador.

O contrato especifica o conteúdo da garantia, as modalidades de sua implementação: preço, duração, extensão territorial e nome e endereço do garante.

 

Além disso, menciona clara e precisamente que, independentemente da garantia comercial, o vendedor permanece vinculado à garantia legal de conformidade mencionada nos artigos L. 217-4 a L. 217-12 e à relativa a defeitos na coisa vendida: nas condições previstas nos artigos 1641 a 1648 e 2232 do código civil.

As disposições dos artigos L. 217-4: L. 217-5, L. 217-12 e L. 217-16, bem como do artigo 1641 e do primeiro parágrafo do artigo 1648 do código civil são totalmente reproduzidas no contrato.

Em caso de não cumprimento destas disposições: a garantia permanece válida. O comprador tem o direito de tirar proveito disso “.

 

Artigo L 217-16: “Quando o comprador solicitar ao vendedor, durante o curso da garantia comercial que lhe foi concedida durante a aquisição ou reparo de bens móveis, um reparo coberto pela garantia , qualquer tempo de inatividade de pelo menos sete dias será adicionado à duração da garantia restante.

Este período decorre do pedido de intervenção do comprador ou da provisão para reparo das mercadorias em questão, se essa provisão for posterior ao pedido de intervenção. “

 

Código Civil

 

Artigo 1641: “O vendedor está vinculado à garantia de defeitos ocultos no item vendido, o que o torna impróprio para o uso a que se destina, ou que diminui esse uso: que o comprador não o teria adquirido. ou teria dado a eles um preço menor: se ele os conhecesse “.

 

Artigo 1648: “A ação resultante de defeitos latentes deve ser intentada pelo comprador: dentro de dois anos a partir da descoberta do defeito. No caso previsto no artigo 1642-1: a ação deve ser introduzida, penalidade de execução duma hipoteca, no ano seguinte à data em que o vendedor possa receber alta por defeitos aparentes ou falta de conformidade ”.

ay to Saturday, from 8h to 20h or send an email to the seller at the following email address

contact@cadamoste-editions.com

 

Article 5 – Electronic signature

 

The online supply of the buyer’s bank card number and the final validation of the order will constitute proof of the buyer’s agreement:

exigibility of the sums due under the purchase order;

– signature and express acceptance of all operations carried out.

In the event of fraudulent use of the bank card, the buyer is invited: as soon as this use is observed, contact the seller at the number of

next phone: 02 48 24 07 25

 

Article 6 – Order confirmation
The seller provides the buyer with an order confirmation by email.

 

Article 7 – Proof of the transaction

 

Computerized registers, kept in the seller’s computer systems under reasonable security conditions: will be considered

as proof of communications, orders and payments between the parties. Archiving of purchase orders and

invoices are made on a reliable and durable medium that can be produced as evidence.

 

Article 8 – Product information

 

The products governed by these general conditions are those which appear on the seller’s website and which are indicated as sold.

and shipped by the seller. They are offered while stocks last.

The products are described and presented with the greatest possible accuracy. However, if errors or omissions may have occurred when this presentation, the seller’s responsibility could not be engaged.

The photographs of the products are not contractual.

 

Article 9 – Price

 

The seller reserves the right to modify its prices at any time but undertakes to apply the current prices indicated at the time of the order, subject to availability on this date.

Prices are in euros. They do not take into account the delivery costs, invoiced in addition, and indicated before the validation of the order. The prices take into account the VAT applicable on the day of the order and any change in the applicable VAT rate will be automatically reflected in the price of the products in the online store.

If one or more taxes or contributions, in particular environmental, were to be created or modified, up or down, this

change may be reflected in the sale price of products.

 

Article 10 – Method of payment

 

This is an order with payment obligation, which means that placing the order implies payment by the buyer.

To settle his order, the buyer has at his choice, all the payment methods made available by the seller and listed on the seller’s site. The buyer guarantees to the seller that he has the necessary authorizations to use the payment method chosen by him: during the validation of the order form. The seller reserves the right to suspend any order management and any delivery in the event of refusal of authorization to pay by bank card from officially accredited bodies or in the event of non-payment. The seller notably reserves the right to refuse to make a delivery or to honor an order from a buyer who has not fully or partially settled a previous order or with whom a payment dispute is being administered .

 

Payment of the price is made in full on the day of the order, in the following ways:

– Bank card

– Paypal

– check

 

Article 11 – Availability of products – Refund – Resolution

 

Except in cases of force majeure or during the periods of closure of the online store which will be clearly announced on the home page of the site, the delivery times will be, within the limit of available stocks, those indicated below. Shipping times run from the date of registration of the order indicated on the order confirmation email.

For deliveries in mainland France and Corsica the deadline is 4 days from the day following that on which the buyer placed his order, in the following ways: by La Poste at the latest, the deadline will be 30 working days after the conclusion of the contract.

For deliveries in the DOM-TOM or another country: the delivery methods will be specified by the buyer on a case-by-case basis.

In the event of non-compliance with the agreed delivery date or deadline, the buyer before breaking the contract, order the seller to execute it within a reasonable additional time.

In the absence of execution, the expiration of this new period, the buyer may freely breach the contract.

The buyer must complete these successive formalities by registered letter with acknowledgment of receipt or by writing in another medium.

sustainable.

The contract will be considered as canceled upon receipt by the seller of the letter or writing informing him of this termination, unless the professional has performed in the meantime.

The purchaser may however immediately terminate the contract: if the above dates or deadlines constitute for him an essential condition of the contract.

In this case: when the contract is canceled: the seller is obliged to reimburse the buyer for all the sums paid, at the latest within 14 days of the date on which the contract was terminated.

In case of unavailability of the ordered product, the buyer will be informed at the earliest and will be able to cancel his order. The buyer will then have the choice to request either a refund of the sums paid within 14 days of their payment at the latest: either the exchange of the product

 

Article 12 – Delivery terms

 

Delivery means the transfer to the consumer of physical possession or control of the goods. The products ordered are delivered in the manner and within the time period specified above.

The products are delivered to the address indicated by the buyer on the order form, the buyer must ensure its accuracy. Any package returned to the seller due to an incorrect or incomplete delivery address will be redirected at the buyer’s expense. The buyer can, upon request, obtain the sending of an invoice to the billing address and not to the delivery address, by validating the option provided for this purpose on the order form.

If the buyer is absent on the day of delivery, the delivery person will leave a notice in the mailbox: which will allow the parcel to be collected at the place and time indicated.

If at the time of delivery, the original packaging is damaged: torn: open the buyer must then check the condition of the items. If they have been damaged, the buyer must refuse the package and note a reservation on the delivery slip (package refused because opened or damaged)

The buyer must indicate on the delivery slip and in the form of handwritten reservations accompanied by his signature any anomaly concerning the delivery (damage, missing product compared to the delivery slip, damaged package, broken products ..

This verification is considered to have been carried out once the buyer, or a person authorized by him, has signed the delivery slip.

The buyer must then confirm by registered mail these reservations to the carrier at the latest within two working days of receipt of the item (s) and transmit a copy of this letter by fax or simple mail to the seller the address indicated in the legal notices. of the site.

If the products need to be returned to the seller, they must be the subject of a return request to the seller within 14 days of delivery. Any complaint made after this time cannot be accepted. The return of the product can only be accepted for products in their original condition (packaging, accessories: instructions …).

 

Article 13 – Delivery errors

 

The buyer must formulate with the seller on the same day of delivery or at the latest the first working day following delivery, any claim of error in delivery and / or non-conformity of the products in kind or in quality in relation to Information on the order form. Any complaint made beyond this period will be rejected.

The complaint can be made, at the choice of the buyer

– by phone at the following number: 02 48 24 07 25

– by e-mail the following address contact@cadamoste-editions.com

Any claim not made in the rules defined above and within the time limits could not be taken into account and will release the seller from any responsibility vis-à-vis the buyer.

Upon receipt of the complaint, the seller will assign an exchange number of the product (s) concerned and will communicate it by e-mail to the buyer. The exchange of a product can only take place after the allocation of the exchange number.

In case of delivery or exchange error: any product to be exchanged or reimbursed must be returned to the seller as a whole and in its original packaging, in Colissimo Recommended, to the following address: 5 Victor Hugo, 18000 Bourges

Return costs are the responsibility of the seller.

 

Article 14 – Product warranty

 

14-1 Legal guarantee of conformity

The seller is responsible for the conformity of the goods sold with the contract, allowing the buyer to make a request under the legal guarantee of conformity provided for in articles L. 217-4 and following of the consumer code.

In the event of implementation of the legal guarantee of conformity, it is recalled that:

– the buyer has a period of 2 years from the delivery of the goods to act;

– the buyer can choose between repairing or replacing the goods, subject to the cost conditions provided for in article L. 217-17 of

consumer code;

– the buyer has not provided proof of the non-conformity of the goods during the 24 months in the case of new goods (6 months in the case of second-hand goods): following the delivery of the goods.

 

14-2 Legal warranty for hidden defects

 

In accordance with articles 1641 and following of the civil code, the seller is guarantor of hidden defects that may affect the property sold. It will be up to the buyer to prove that the defects existed in the sale of the property and are such as to make the property unfit for the use for which it is intended. This warranty must be implemented within two years of discovering the defect.

The buyer can choose between canceling the sale or reducing the price in accordance with article 1644 of the Civil Code.

 

Article 15 – Right of withdrawal

 

Application of the right of withdrawal

In accordance with the provisions of the consumer code, the buyer has a period of 14 days from the date of delivery of his

order, to return any item that does not suit him and request the exchange or refund without penalty: with the exception of return costs which remain the responsibility of the buyer.

Returns must be made in their original condition and complete (packaging, accessories, instructions. Allowing them to be remarketed in new condition, accompanied by the purchase invoice

Damaged products: soiled or incomplete are not taken back.

The right of withdrawal can be exercised online using the withdrawal form available on this website. In this case: an acknowledgment of receipt on a durable medium will be immediately communicated to the buyer. Any other mode of declaration of withdrawal is accepted. It must be unambiguous and express the will to retract.

In case of exercise of the right of withdrawal within the aforementioned period, the price of the product (s) purchased (s) will be reimbursed and the delivery costs will be reimbursed.

Return costs are the responsibility of the buyer.

The exchange (subject to availability) or refund will be made within 48 hours, and at the latest, within 14 days of receipt by the seller: of the products returned by the buyer within the conditions set out above.

 

exceptions

According to article L221-28 of the Consumer Code, the right of withdrawal cannot be exercised for contracts:

– supply of goods whose price depends on fluctuations on the financial market beyond the control of the professional and likely to occur during the withdrawal period;

– supply of goods made according to the consumer’s specifications or clearly personalized;

– the supply of goods liable to deteriorate or expire quickly;

– supply of goods which have been unsealed by the consumer after delivery and which cannot be returned for reasons of hygiene or health protection;

– the supply of quiz goods after having been delivered and by their nature are inseparably mixed with other articles;

– supply of alcoholic beverages whose delivery is deferred beyond thirty days and whose agreed value the conclusion of the contract depends on fluctuations on the market beyond the control of the professional

– maintenance or repair work carried out urgently at the consumer’s home and expressly requested by him, within the limit of spare parts and work strictly necessary to respond to the emergency;

– supply of audio or video recordings or computer software when they have been unsealed by the consumer after delivery;

– supply of a newspaper: a periodical or a magazine, except for subscription contracts for these publications;

– the supply of digital content not supplied on a material medium, the execution of which has started after the express prior agreement of the consumer and express waiver of his right of withdrawal.

 

Article 16 – Force majeure

 

All circumstances independent of the will of the parties preventing the execution under normal conditions of their obligations are considered as causes of exemption from the obligations of the parties and result in their suspension.

The party invoking the circumstances referred to above must immediately notify the other party of their occurrence, as well as of their disappearance.

Will be considered as force majeure all irresistible facts or circumstances, external to the parties, unpredictable, inevitable, independent of the will of the parties and which cannot be prevented by the latter, despite all efforts reasonably possible. In an express way, are considered as force majeure or fortuitous event * in addition to those usually retained by the jurisprudence of French courts and tribunals: the blocking of means of transport or supplies, earthquakes, Fires, storms, floods, lightning, shutdown of telecommunications networks or difficulties specific to telecommunications networks external to customers.

The baskets will come together to examine the impact of the event and agree on the conditions under which the execution of the contract will be continued. If the case of force majeure lasts longer than three months: these general conditions may be terminated by the injured party.

 

Article 17 – Intellectual property

 

The content of the website remains the property of the seller, the sole holder of the intellectual property rights over this content.

Buyers agree to make no use of this content; any total or partial reproduction of this content is strictly prohibited and may constitute an offense of counterfeiting.

 

Article I8 – Information Technology and Freedoms

 

The personal data provided by the buyer are necessary for the processing of his order and the preparation of invoices.

They can be communicated to the seller’s partners responsible for the execution, processing, management and payment of orders.

The processing of information communicated via the Cadamoste Editions website has been declared to the CNIL.

The buyer has a right of permanent access, modification, rectification and opposition with regard to information concerning him. This right can be exercised under the conditions and according to the methods defined on the Cadamoste Editions site.

 

Article 19 – Partial non-validation

 

If one or more stipulations of these general conditions are held to be invalid or declared as such pursuant to a law of a regulation or following a final decision of a competent court, the other stipulations will retain their full force and their scope.

 

Article 20 – Non-waiver

 

The fact for one of the parties not to claim a failure by the other party to any of the obligations referred to in these general conditions cannot be interpreted for the future as a waiver of the obligation in question.

 

Article 21 – Title

 

In case of difficulty of interpretation between any of the titles appearing at the head of the clauses: and any of the clauses, the titles will be declared non-existent

 

Article 22 – Language of the contract

 

These general conditions of sale are written in French. In the event that they are translated into one or more foreign languages, only the French text will prevail in the event of a dispute.

 

Article 23 – Mediation and settlement of disputes

 

The buyer may use conventional mediation, in particular with the Consumer Mediation Commission or with existing sectoral mediation bodies, or with any alternative method of dispute resolution (conciliation, for example) in the event of

contestation. The mediator’s names, contact details and email address are available on our site.

In accordance with article 14 of the Regulation (EU) nC524y2013: the European Commission has set up an Online Dispute Resolution platform: facilitating the independent out-of-court settlement of online disputes between consumers and professionals in the European Union. This platform is accessible at the following link – https://webgate.ec.europa.eu/odr/

 

Article 24 – Applicable law

 

These general conditions are subject to the application of French law. The competent court is the judicial court.

This is so for the substantive rules as for the rules of form. In the event of a dispute or complaint, the buyer will first contact the

seller to obtain an amicable solution.

 

Article 25 – Protection of personal data

 

Data collected

The personal data that is collected on this site are as follows:

– account opening: when creating the user’s account, his name; first name; email address ; Phone Number ; address

– connection: when the user connects to the website, the latter records, in particular, his surname, first name, connection, use, location data and his data relating to payment;

– profile: the use of the services provided on the website allows you to enter a profile, which may include an address and a

phone ;

– payment: as part of the payment for products and services offered on the website, this records financial data relating to the user’s bank account or credit card;

– communication: when the website is used to communicate with other members, the data relating to user communications are temporarily stored;

– cookies: cookies are used in connection with the use of the site. The user has the option of deactivating cookies from their browser settings.

 

Use of personal data

The personal data collected from users aims to provide the website services, their improvement and the

maintaining a secure environment. More specifically, the uses are as follows

user access and use of the website;

management of the operation and optimization of the website;

organization of the conditions of use of the Payment Services;

verification, identification and authentication of data transmitted by the user;

offer the user the possibility of communicating with other users of the website;

implementation of user assistance;

personalization of services by displaying advertisements based on the user’s browsing history, according to their preferences;

prevention and detection of fraud, malware (malicious software) and management of security incidents;

management of any disputes with users;

sending commercial and advertising information, according to user preferences.

 

Sharing of personal data with third parties

Personal data may be shared with third-party companies in the following cases:

when the user uses the payment services, for the implementation of these services, the website is in contact with third-party banking and financial companies with which it has contracted;
when the user publishes publicly accessible information in the free comments areas of the website;
when the user authorizes the website of a third party to access his data;
when the website uses the services of providers to provide user assistance, advertising and payment services. These providers have limited access to user data, as part of the performance of these services, and have a contractual obligation to use them in accordance with the provisions of the applicable regulations on data protection staff
if required by law, the website may transmit data to respond to complaints made against the website and comply with administrative and judicial procedures
if the website is involved in a merger, acquisition, disposal of assets or bankruptcy proceedings, it may be required to assign or share all or part of its assets, including personal data. In this case, users would be informed, before the personal data is transferred to a third party.

 

Security and confidentiality

The website implements organizational, technical, software and physical measures in terms of digital security to protect personal data against alteration, destruction and unauthorized access. However, it should be noted that the internet is not a completely secure environment and the website cannot guarantee the security of the transmission or storage of information on the internet.

 

Implementation of user rights

In application of the regulations applicable to personal data, users have the following rights, which they can exercise by making their request to the following address: contact@cadamoste-editions.com

 

the right of access: they can exercise their right of access, to know the personal data concerning them. In this case, before the implementation of this right, the website may request proof of the identity of the user in order to verify its accuracy.
the right of rectification: if the personal data held by the website are inaccurate, they can request the update
informations

the right to delete data: users can request the deletion of their personal data,
in accordance with applicable data protection laws.

the right to limit processing users can ask the website to limit the processing of personal data
in accordance with the assumptions provided for by the GDPR.

the right to object to data processing: users can object to their data being processed in accordance with
GDPR assumptions

the right to portability: they can request that the website give them the personal data provided to them to transmit them
to a new website.

Evolution of this clause

The website reserves the right to make any modification to this clause relating to the protection of personal data at any time. If a modification is made to this personal data protection clause, the website undertakes to publish the new version on its site. The website will also inform users of the change by email, within a period

minimum of 15 days before the effective date. If the user does not agree with the terms of the new wording of the personal data protection clause, he has the option of deleting his account.

 

______________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

 

Annex :

Withdrawal form

(to be completed by the consumer,

and send by registered letter with acknowledgment of receipt,

within the maximum period of 14 days following the date of conclusion of the service contract)

——————————————————————————————————————————–

Formulaire de rétractation

 

Annex:

Withdrawal form

(to be completed by the consumer,

and send by registered letter with acknowledgment of receipt,

within the maximum period of 14 days following the date of conclusion of the service contract)

——————————————————————————————————————————–

 

Annex :

 

Consumer Code

 

Article L. 217-4: “The seller delivers goods that comply with the contract and is liable for any lack of conformity existing at the time of delivery.

He is also responsible for any lack of conformity resulting from the packaging, the assembly instructions or the installation when the latter has been charged to him by the contract or has been carried out under his responsibility. “

 

Article L. 217-5: “The goods comply with the contract

1 ° If it is proper for the use usually expected of a similar good and, if applicable:

– if it corresponds to the description given by the seller and have the qualities that the latter presented to the buyer in the form of a sample or model;

– if it has the qualities that a buyer can legitimately expect in view of the public statements made by the seller, by the producer or by his representative, in particular in advertising or labeling;

2 ° Or if it has the characteristics defined by mutual agreement by the parties or is suitable for any special use sought by the buyer, brought to the attention of the seller and which the latter has accepted. “

 

Article L. 217-6: “The seller is not bound by the public statements of the producer or his representative if it is established that he did not know them and was legitimately unable to know them”

 

Article L. 217-7: “Defects of conformity which appear within twenty-four months from the delivery of the goods are presumed to exist at the time of delivery, unless proven otherwise. For goods sold second-hand, this deadline is fixed six months the seller can fight this presumption if it is not compatible with the nature of the good or the alleged lack of conformity. “

 

Article L. 217-8: “The buyer is entitled to demand that the goods conform to the contract. However, he cannot contest the conformity by invoking a defect which he knew or could not ignore when he contracted. the same applies when the defect has its origin in the materials which he himself supplied. “

 

Article L. 217-9: “In the event of a lack of conformity, the buyer chooses between repairing and replacing the goods. However, the seller may not proceed according to the choice of the buyer if this choice obviously involves a cost disproportionate compared to the other modality, taking into account the value of the good or the importance of the defect. It is then obliged to proceed, except impossibility, according to the modality not chosen by the purchaser. “

 

Article L 217-10: “If the repair and replacement of the goods are impossible, the buyer may return the goods and have the price returned or keep the goods and have part of the price returned to them. The same option is open to them :

1 If the solution requested, proposed or agreed in application of article L. 217-9 cannot be implemented within one month of the buyer’s complaint;

2- Or if this solution cannot be without major inconvenience for the latter, given the nature of the goods and the use they seek. The cancellation of the sale cannot however be declared if the lack of conformity is minor. “

 

Article L 217-11: The application of the provisions of articles L. 217-9 and L. 217-10 takes place at no cost to the buyer. These same provisions do not preclude the allocation of damages.

 

Article L 217-12: “The action resulting from the lack of conformity lapses two years after delivery of the goods.”

Article L 217-13: “the provisions of this section do not deprive the buyer of the right to exercise the action resulting from latent defects as it results from articles 1641 1649 of the civil code or any other action of a contractual nature or extracontractual which is recognized by law. “

 

Article L 217-14: “Recursive action may be exercised by the final seller against successive sellers or intermediaries and the producer of tangible personal property, according to the principles of the Civil Code.

 

Article L 217-15: “The commercial guarantee means any contractual commitment by a professional with regard to the consumer for the reimbursement of the purchase price, replacement or repair of the goods or the provision of any other service related to the property, in addition to its legal obligations to ensure the conformity of the property.

The commercial guarantee is the subject of a written contract: a copy of which is given to the buyer.

The contract specifies the content of the guarantee, the modalities of its implementation: its price, its duration, its territorial extent as well as the name and address of the guarantor.

 

In addition, it clearly and precisely mentions that, Independently of the commercial guarantee, the seller remains bound by the legal guarantee of conformity mentioned in articles L. 217-4 to L. 217-12 and that relating to defects in the thing sold: under the conditions provided for in articles 1641 to 1648 and 2232 of the civil code.

The provisions of articles L. 217-4: L. 217-5, L. 217-12 and L. 217-16 as well as article 1641 and the first paragraph of article 1648 of the civil code are fully reproduced in the contract.

In the event of non-compliance with these provisions: the guarantee remains valid. The buyer is entitled to take advantage of it. “

 

Article L 217-16: “When the buyer requests from the seller, during the course of the commercial guarantee granted to him during the acquisition or repair of movable property, a repair covered by the guarantee , any downtime of at least seven days is added to the duration of the remaining warranty.

This period runs from the buyer’s request for intervention or the provision for repair of the goods in question, if this provision is subsequent to the request for intervention. “

 

Civil Code

 

Article 1641: “The seller is bound by the guarantee for hidden defects in the thing sold which make it Unsuitable for the use for which it is intended, or which so diminish this use: that the buyer would not have acquired it, or would have given them a lesser price: if he had known them. “

Article 1648: “The action resulting from latent defects must be brought by the purchaser: within two years from the discovery of the defect. In the case provided for by article 1642-1: the action must be introduced, penalty of foreclosure, in the year following the date on which the seller can be discharged from apparent defects or lack of conformity ”.

O Blog : cadamoste-editions.com/pt/o-blog/

As minhas redes sociais : Facebook / Twitter / Instagram

dolor. commodo neque. porta. ut quis

Pin It on Pinterest

Share This